A Menina Dinamarquesa, A ‘trans’ Que Interpreta Eddie Redmayne Em Seu Próximo Filme

A Menina Dinamarquesa, A ‘trans’ Que Interpreta Eddie Redmayne Em Seu Próximo Filme

A Menina Dinamarquesa, A 'trans' Que Interpreta Eddie Redmayne Em Seu Próximo Filme 1

Einar e Gerda Gewener são um casal de ilustradores unida desde o começo do século. Eles Se casaram jovens, ele com 22, e ela com 19, no momento em que ainda estudavam na instituição de arte de Copenhaga. Einar é um paisagista de renome (obteve o prêmio Neuhausens em 1907) e as delicadas ilustrações de jovens e glamourosas damas de Gerda aparecem habitualmente na Vogue francês ou em La Vie Parisienne. Um casal invejável e com sucesso em tuas costas.

Uma tarde, uma das modelos de Gerda não aparece por teu estudo. Einar presta-se como voluntário pra ajudá-la e é revestida com um vestido de seda, que se torna uma revelação vital. Você Se sente tão confortável com ele desde que opta começar a se vestir de mulher e posar habitualmente bem para sua esposa.

Também o fará esporadicamente durante tuas viagens a França ou a Itália. Para no momento em que se instalar claramente em Paris, Einar abandonará a tua masculinidade e se apresentará ao universo como Lili, a irmã Gerda. Esta é quota da extraordinária existência de Lili Elbe, a primeira travesti conhecido que se submeteu a uma operação cirúrgica pra submeter-se a uma modificação de sexo.

Uma deslumbrante história que volta a entrar de hoje, nesta ocasião, que as imagens de Eddie Redmayne caracterizado como Lili Elbe deram a volta ao mundo. À esquerda, Lili Elbe, no momento em que se identificava como um homem. O video é baseado no romance homônimo de David Ebershoff (no Brasil traduzido por Anagrama), que ficcionó a história pessoal do casamento e como toparam a sua relação com a redesignação de gênero.

No filme, Alicia Vikander (O sétimo filho, Ex-machina) interpreterá a Gerda e contará com outros secundários, como Amber Heard ou Matthias Schoenaerts (ferrugem e osso). Foi em 1930, no momento em que Lili Elbe decidiu atravessar pela sala de operação. Fez amizade com o doutor Kurt Wanekros da clínica de mulheres de Dresden e deixou a moradia que dividia com Gerda pra mudar-se pra Berlim, onde começaria uma série de operações (5 no total) pra reatribuir o teu gênero. Se livrou de seus testículos e se lhe transplantaram os ovários de uma mulher de vince e seis anos, alguma coisa completamente revolucionário pela medicina da data. Seu corpo humano contrariou, assim, que precisou de duas operações corretivas mais.

  1. Gamla Stan
  2. 19KM. ¡¡¡RICHIE PORTE TAMBÉM CORTADO
  3. Vitória Accordions Company (Itália)
  4. vinte e um – Museu da Ocupação
  5. dois Visão pro futuro
  6. Até onde chegavam seus sonhos
  7. 2017: New Addictions
  8. três Esportes 8.3.Um Copa do Mundo de Futebol de 2018

Elbe, após a primeira operação, decidiu livrar-se do nome masculino com o que havia sido conhecido e ilustrou com o beneplácito de Gerda pra apagar todo e cada vestígio de Einar Gewener. Pediram ao rei da Dinamarca, que anulou teu casamento. Não apenas concordou em fazê-lo, no entanto que, também, deu a Lili Elbe um passaporte, de acordo com tua nova identidade. Lili morreu aos cinquenta anos, dois dias depois de tua quinta operação.

Gerda voltaria a se casar com um militar italiano e divorciou-se poucos anos depois. Gerda Gewener, casal e mulher de Einar/Lili. Seu papel foi entendido Alicia Vikander. Você passou a Jeffrey Tambor com Transparent (papel com o que foi feito com o Globo de Ouro de melhor ator de comédia) e nesta hora cabe a Redmayne.

“Por ótimo trabalho que faça Eddie Redmayne, imediatamente vai sendo hora de que as pessoas trans interpretar papéis trans”, aponta Susan Stryker, professora de estudos de gênero da Universidade de Arizona, no Think Progress. Redmayne, por sua porção, quis sair, ao passo que a polêmica.

Em uma recente entrevista ao Telegraph falou: “Existe uma conversa muito válida sobre isto por que uma atriz trans não interpreta esse papel, porque realmente há algumas atrizes brilhantes e estou convencido de que vários o fariam de modo boa”. Redmayne, todavia, remete ao período histórico pra validar sua escolha: “Uma das complicações é que atualmente há hormônios, e algumas mulheres trans tomaram hormônios. Este papel, há que interpretar um lado masculino sem hormônios, e é um conteúdo que discutimos muito, já que naqueles tempos não havia hormônios”. Com polêmica ou sem ela, o ira por o ‘trans’ arrasa em Hollywood.